A educação em tempos de pandemia

educacao

2020 certamente será conhecido como o ano em que a humanidade foi devastada por um vírus que pode ser eliminado com água e sabão. Mais do que isso, 2020 será lembrado como o ano em que a nossa sociedade precisou se reinventar. E com a educação, não está sendo diferente…

Ao longo de 10 anos trabalhando com [algum nível de] ensino à distância, basicamente vi conteúdos e formatos de aulas presenciais sendo transportadas para um ambiente virtual, sem qualquer alteração na didática ou no modus operandi das aulas. Confesso que foi exatamente o que fiz durante a maior parte da minha jornada enquanto professor. Entretanto, após a pandemia da COVID-19, vi universidades, escolas, professores e alunos tendo que se adaptar a uma nova realidade de ensino-aprendizagem, criando uma disrupção inédita na área de educação.

Para os professores, o desafio é competir com tudo aquilo que desvia o foco dos alunos para além das aulas. WhatsApp, redes sociais, crianças correndo em casa, tarefas domésticas ou, simplesmente, a falta de um ambiente apropriado. Isso sem falar da falta de um feedback sobre o andamento da disciplina e as dificuldades para criação de conteúdos em um novo formato, mais dinâmico. Já para os alunos, além das dificudades listadas, a adoção de uma postura mais ativa e eventuais sobrecargas devido ao excesso de conteúdo/atividades têm sido um problema recorrente. O que fazer?

Além das tradicionais aulas (gravadas ou ao vivo) e atividades offline, estratégias como gamificação e a inclusão de novas ferramentas se tornam cada vez mais necessárias para garantir a qualidade do ensino praticado em escolas e universidades. Hoje, vemos tecnologias como a realidade virtual cada vez mais acessíveis e presentes em nosso cotidiano. Por isso, é natural a sua adoção também na área da educação. Ainda estamos no início de uma nova era mas, certamente, estamos vivenciando um momento ímpar na história da educação mundial.

vr
estudando

Entretanto, não podemos nos esquecer daqueles que não possuem as condições mínimas necessárias para realização de aulas online. Precisamos, mais do que nunca, reduzir a desigualdade, ainda tão presente em nossa sociedade. Provavelmente este será o nosso maior desafio: criar condições para que todos possam vivenciar esta nova realidade.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp